• 09
    AGO

     Pingo, o porquinho! Na fazenda de seu Joaquim vivia um porquinho muito feliz chamado Pingo! Era amigo de todos, todo mundo gostava dele, ele acordava cedo para admirar o nascer do sol, ficava encantado com a cor do céu, e quando o dia estava chuvoso, ele amava sentir o cheiro da chuva molhando a terra. Ao entardecer, gostava de ver o sol se pondo e a lua clareando tudo ao re ...

     

    Pingo, o porquinho!

     

    Na fazenda de seu Joaquim vivia um porquinho muito feliz chamado Pingo!

     

    Era amigo de todos, todo mundo gostava dele, ele acordava cedo para admirar o nascer do sol, ficava encantado com a cor do céu, e quando o dia estava chuvoso, ele amava sentir o cheiro da chuva molhando a terra. Ao entardecer, gostava de ver o sol se pondo e a lua clareando tudo ao redor da fazenda. Era um admirador da natureza e conhecia todos os tipos de flores só pelo cheiro.

     

    - Pingo, nunca vi um porquinho tão feliz por apreciar coisas tão simples do dia a dia. – Falou o cavalo James.

     

    - Existe tanta beleza em nosso dia a dia, o mundo é um lugar incrível. – Falou Pingo.

     

    Numa daquelas manhãs, Pingo acordou com um desejo diferente, o desejo de conhecer muito mais coisas do que ele estava acostumado a ver. Pulou a cerca da fazenda onde morava e saiu andando, sem rumo, feliz e cheio de vontade de viver incríveis aventuras.

     

    Não muito longe de onde estava encontrou um lago com vários sapinhos nadando:

     

    - Que lindo lago, sapinhos. Vocês devem ser muito felizes vivendo aqui.

     

    - A vida aqui é muito boa sim, porquinho. Não nos falta nada!

     

    - Que maravilha!

     

    - Quer brincar com a gente? – Perguntaram os sapinhos.

     

    - Não amigos, obrigado. Estou decidido a conhecer a beleza do mundo e agora não tenho tempo para brincar.

     

    - Você não era feliz onde morada?

     

    - Sim, eu era e sou feliz.

     

    - Então por que quer sair de onde estava?

     

    - Só por curiosidade mesmo. – Falou Pingo.

     

    Então os sapinhos começaram a cochichar entre eles, Pingo ficou curioso e perguntou o que eles tanto conversaram entre si.

     

    Eles falaram:

     

    - Sabe porquinho, um dia desses passou por aqui uma ovelhinha com essa mesma conversa, ela se perdeu pelo mundo e nunca mais voltou para onde ela era feliz de verdade. Ela estava triste e arrependida.

     

    - E ela não encontrou lugares lindos por aí? – Perguntou Pingo.

     

    - Ah! encontrou sim, muitos lugares lindos, muito mais lindos do que onde ela morava, mas ela chegou à seguinte conclusão...

     

    - Qual? – Perguntou ansioso o porquinho Pingo.

     

    - Ela disse que no mundo não existe lugar mais lindo do que aquele em que moramos, basta ter um olhar feliz e grato para tudo que se encontra ao nosso redor, ela disse que se soubesse disso antes nunca teria ido atrás de aventuras pelo mundo.

     

    - E eu já sou tão feliz na fazenda onde moro, já aprecio tanto as belezas nas pequenas coisas do meu dia a dia. Sabe de uma coisa? Eu ia fazer uma grande bobeira saindo por aí atrás de mais coisas para olhar e admirar, pois tudo que preciso já tem na minha fazenda, com minha família e meus amigos.

     

    E os sapinhos bateram muitas palmas para o porquinho Pingo que aprendeu rapinho a lição.

     

    - Então, vamos brincar um pouco? – Perguntaram mais uma vez os sapinhos.

     

    - Vamos sim! – Disse Pingo.

     

    Um tempo depois ele se despediu dos novos amigos e correu de volta para a fazenda, chegando lá os amigos o receberam com muita alegria, ele caiu na poça de água e agradeceu por ter encontrado logo no início da sua aventura os amigos sapinhos que o fez ver, ou melhor, rever, o lugar mais incrível de todos e ser grato por isso, pois lugar mais belo que esse pode até existir, mas nunca será como seu verdadeiro lar.

     

    E de lá ele não saiu mais!

     

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br 

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.




    Avatar









    03
    MAI

    Com quem sempre posso contar!Ela sempre me manda fazer várias coisas; arrumar meu quarto, guardar meus brinquedos, jogar o lixo no lixo e se desarrumei algo, tenho que colocar tudo no mesmo lugar.Antes de ir à escola, tenho que arrumar minha cama.Ela não me dá sossego!Ela dá bronca quando faço algo errado, e me manda pedir desculpas se errei com algu&eacut ...

    Com quem sempre posso contar!

     

    Ela sempre me manda fazer várias coisas; arrumar meu quarto, guardar meus brinquedos, jogar o lixo no lixo e se desarrumei algo, tenho que colocar tudo no mesmo lugar.

     

    Antes de ir à escola, tenho que arrumar minha cama.

     

    Ela não me dá sossego!

     

    Ela dá bronca quando faço algo errado, e me manda pedir desculpas se errei com alguém.

     

    Ela me manda fazer atividades físicas como: andar de bicicleta, correr ao ar livre, pois diz que tudo isso faz muito bem para minha saúde.

     

    Ela não me deixa assistir televisão o tempo que quero, não me deixa jogar no celular, no tablet, no computador, e me diz que agora posso não entender, mas futuramente vou saber que toda essa proibição foi para o meu bem.

     

    Ela me manda desenhar, pintar, brincar mais com meus brinquedos e diz que essas sim são atividades saudáveis e não ficar o dia inteiro em frente de uma tela.

     

    Ela me faz ler muito e compra vários livros novos para eu sempre ter o quê ler.

     

    Ela lê para mim antes de dormir, pois diz que assim eu terei um sono mais tranquilo e sonhos mais felizes.

     

    Diz que tenho que estudar sempre, com alegria e responsabilidade, pois o futuro há de recompensar o empenho de hoje.

     

    Ela senta comigo todas as tardes para me ajudar nas atividades de casa e passa outras atividades extras para mim, diz que é para melhorar meu desempenho escolar.

     

    Ela se preocupa com minha alimentação e não me deixa comer tudo que quero.

     

    Me faz comer frutas, verduras e legumes variados.

     

    Ela é exigente!

     

    Mas...

     

    Ela também me abraça quando estou triste, me consola quando estou chorando, me acalma quando estou com medo, se preocupa quando estou doente e rezar por mim todos os dias para que eu ande sempre pelo caminho do bem e para que eu tenha sempre um bom coração.

     

    Ela tem um abraço que conforta.

     

    Ela tem um sorriso que encanta.

     

    Ela tem um coração gigante, cheio de amor.

     

    Ela esquece dela várias vezes para lembrar sempre de mim.

     

    E apesar de tantas coisas que ela me proíbe fazer, apesar de tantas coisas que ela me manda fazer, eu sei, lá no fundinho do meu coração, eu sinto, que tudo isso é para o meu bem, pois ela é a minha MÃE e neste mundo não existirá alguém que me ame mais do que ela, e ela é a pessoa com quem sempre, sempre, sempre poderei contar!

     

    Se ela não me amasse tanto assim, nem ligaria para mim!

     

    Ela não sabe, mas em minhas orações eu sempre agradeço a Deus pela mãe que Ele me deu.

     

    Te amo, mamãe, és meu presente de Deus!

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br 

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.




    Avatar









    06
    ABR

    Um aniversário abençoado!Isa estava ansiosa, aliás, muitíssimo ansiosa, seu aniversário estava chegando e ela já tinha dito aos pais:- No dia do meu aniversário quero ir ao parque de diversões!Estava bem decidida, sua mãe logo a alertou:- Filha, a previsão meteorológica é de muita chuva para o dia do seu anivers&aa ...

    Um aniversário abençoado!

     

    Isa estava ansiosa, aliás, muitíssimo ansiosa, seu aniversário estava chegando e ela já tinha dito aos pais:

     

    - No dia do meu aniversário quero ir ao parque de diversões!

     

    Estava bem decidida, sua mãe logo a alertou:

     

    - Filha, a previsão meteorológica é de muita chuva para o dia do seu aniversário, você já pode ir pensando em outro programa para comemorarmos nesse dia.

     

    Isa não gostou muito em saber que logo no dia do seu aniversário iria chover, pensou em outras programações, mas o parque de diversões não saia da sua mente e ela não queria ir a outro lugar. Então, em suas orações antes de dormir, ela finalizava assim:

     

    - Querido Deus, se possível, no dia do meu aniversário, na hora que eu estiver no parque com minha família, que não chova para que eu possa brincar bem muito.

     

    E todas as noites ela sempre finalizava suas orações com esse pedido especial.

     

    Os dias passaram e o seu aniversário chegou, logo nas primeiras horas do dia a chuva se fez presente. 

     

    Passou a manhã brincando com seus brinquedos novos e disse a mãe:

     

    - Ah mamãe! Não tem problema chover agora, é até bom que chova tudo pela manhã para que à tarde, quando formos ao parque, a chuva já tenha passado.

     

    Só que ao invés da chuva ir diminuindo, foi aumentando durante o dia, muita chuva e muito vento...

     

    - Ihhh.. filha, vamos tentar ir em outro lugar, essa chuva só faz piorar.

     

    - Calma mamãe, vamos esperar um pouquinho mais.

     

    As horas passaram e a chuva deu uma trégua. Então Isa, a mãe, o pai e o irmão se arrumaram para ir ao parque. E o tempo, apesar da chuva ter dado uma trégua, continuava muito nublado e a qualquer momento muita chuva poderia cair novamente.

     

    - Pedido de aniversariante não pode ser recusado, mas fique certa minha filha que logo, logo, começará a chover novamente, vamos aproveitar o tempo que der, mas chuva e parque de diversões não combinam. – Falou a mãe.

     

    Chegando ao parque, brincaram muito, foram logo na roda gigante, depois Isa e a mãe foram nas xícaras que giram, a mãe saiu de lá super tonta e Isa só sabia rir do estado em que a mãe se encontrava, também foram no carrinho bate-bate, enquanto o pai e o irmão foram na montanha russa.

     

    Fizeram uma pausa para lanchar, depois do lanche foram ao carrinho bate-bate novamente, pois esse foi o brinquedo que a Isa mais gostou, assistiram a um super show que estava acontecendo no parque e foram novamente na roda gigante, quando estavam saindo, a moça falou que o parque já estava fechando. Tinham passado mais de quatro horas no parque e nem perceberam!

     

    - Nossa! Nem senti o tempo passar... – Falou a mãe de Isa.

     

    - Nem eu mamãe! – Isa falou.

     

    - Você se divertiu filha?

     

    - Sim mamãe, muito. Foi o melhor aniversário que poderia ter.

     

    - E nem choveu, impressionante, pois tudo indicava que viria muita chuva.

     

    - Verdade, mas ouvi falar que Deus também atende pedido de aniversariante do dia, quando o pedido vem do fundo do coração!

     

    E ela olhou para o céu e deu uma leve piscadinha.

     

    Então, Isa, a mãe, o pai e o irmão saíram felizes e satisfeitos do parque naquele dia, fizeram tudo e um pouco mais do que tinham programado fazer, foram para casa e se deliciaram com o bolo de aniversário da aniversariante.

     

    Muitos poderiam acreditar que a chuva não caiu porque não tinha que cair mesmo, mas para eles, que viram a cor escura que o céu estava e não caiu nenhum pinguinho de água, tiveram a certeza de que teve o dedinho de Deus nisso.

     

    E assim, com essa delicadeza de Deus atendendo um pedido sincero, Isa teve um aniversário feliz, animado e principalmente abençoado, pois tudo coopera para o bem daqueles que amam a Deus!

     

    Você já disse a Deus que o ama hoje?

     

    E, viva Isa!

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br 

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.




    Avatar












  • 06
    MAR

    Meu melhor amigo!Ele chegou meio que de repente, a sua chegada veio para realizar um sonho que sempre tive. Pedia tanto aos meus pais, mas eles sempre arranjavam uma desculpa para dizer “Não!”. Mas vocês acham que em algum momento pensei em desistir? Claro que não! Cada não recebido só servia para aumentar minha determinação na busca de u ...

    Meu melhor amigo!

     

    Ele chegou meio que de repente, a sua chegada veio para realizar um sonho que sempre tive. Pedia tanto aos meus pais, mas eles sempre arranjavam uma desculpa para dizer “Não!”. Mas vocês acham que em algum momento pensei em desistir? Claro que não! Cada não recebido só servia para aumentar minha determinação na busca de um “Sim!”, e foi assim que finalmente ele chegou pra mim.  

      

    Foi o dia mais feliz da minha vida chegar em casa e vê-lo olhando para mim. Ele correu ao meu encontro e desde então não nos soltamos mais, é maravilhoso contar com sua companhia.

     

    Mas com a realização desse desejo também vieram muitas responsabilidades, sou responsável por limpar a sujeira que ele faz, dar banho, passear, dar comida e, claro, dar muito carinho.

     

    Ele é muito traquino, já rasgou roupas que estavam no varal, cavou o jardim, destruiu algumas plantas, quebrou porta....e por aí vai. Certo dia, minha mãe superchateada falou:

     

    - Pedro, isso não pode continuar, se acontecer novamente, infelizmente, esse seu amiguinho não poderá mais ficar aqui com a gente. Tente educá-lo!

     

    Tive tanto medo dessa ameaça que pesquisei tudo para torná-lo mais educado e obediente, eu sei que em tudo o que ele apronta eu tenho um pouco de responsabilidade também, pois se conseguir treiná-lo, ele não dará tanto trabalho. E foi assim que fiz, como já disse a vocês, não desisto fácil, pesquisei tanto, estudei tanto, e consegui torná-lo super educado, todos ficaram admirados com sua mudança de comportamento. Às vezes, ele ainda apronta alguma coisinha, mas meus pais já se acostumaram.

     

    Certo dia, estávamos brincando no parquinho perto de casa quando, de repente, caí e não consegui mais andar. Meu amigo cão, ao me ver naquela situação, correu para chamar a atenção da minha mãe. Minha mãe, achando seu comportamento estranho, logo correu para me encontrar. Todos ficaram impressionados com a atitude dele, um amigo de verdade, e falaram:    

     

    - Pedro, ficamos tão felizes em ver o quanto vocês se dão bem, o quanto se amam e o quanto um cuida do outro, é lindo de ver.

     

    Fiquei feliz com esse relato dos meus pais, porque apesar do Toby ter chegado de repente, não foi de repente que ele conquistou o coração de toda minha família.

     

    Toby é o meu melhor amigo... O melhor presente que poderia ganhar, como sou feliz por tê-lo aqui comigo. O meu melhor amigo faz de tudo para me ver feliz e eu faço de tudo para vê-lo feliz também.

     

    Nossas aventuras estão só começando!

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br 

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.

     




    Avatar









    18
    AGO

     O aniversário da princesa! Hoje no reino das princesas a agitação estava grande, pois andaram espalhando por lá que uma linda princesa, a mais linda de todas (disso tenho certeza), estava completando seus tão esperados 5 aninhos. As princesas do reino queriam logo saber quem era essa princesa tão especial. - Quem é ela? - Perguntou a ...

     

    O aniversário da princesa!

     

    Hoje no reino das princesas a agitação estava grande, pois andaram espalhando por lá que uma linda princesa, a mais linda de todas (disso tenho certeza), estava completando seus tão esperados 5 aninhos. As princesas do reino queriam logo saber quem era essa princesa tão especial.

     

    - Quem é ela? - Perguntou a princesa Aurora a um passarinho que ali passava.

     

    - Ah! É uma princesa muito linda. Estou indo lá agora mesmo cantar uma linda canção para ela. Nunca vi em toda minha existência princesa tão linda assim.

     

    Essa princesinha misteriosa estava dando o que falar no reino das princesas encantadas, até que uma linda borboletinha trouxe uma foto da princesinha aniversariante do dia para as demais princesas conhecerem.

     

    - Ah! Ela é muito linda mesmo! Quanto encanto e beleza essa princesinha tem! - Falou a princesa Aurora.

     

    - Essa é a princesa Beatriz, hoje ela está completando 5 aninhos. - Falou a borboleta.

     

    - Vá Borboletinha, voe ao encontro da linda princesa Beatriz e diga a ela que nós, as princesas dos contos de fadas, desejamos um abençoado 5 aninhos e que nós estamos mandando muitos beijinhos, abraços apertados, muitos brilhos, sonhos encantados, alegrias infinitas e um ano cheinho de amor, muito AMOR! - Falou a princesa Aurora.

     

    A borboletinha voou, voou... E ao chegar ao reino encantado da princesa Beatriz a viu feliz, sorrindo e comemorando seus 5 aninhos com as pessoas que viviam com ela naquele Reino Encantado. A borboletinha viu tudo e saiu feliz.

     

    A borboletinha falou:

     

    - Ah! Que princesinha de sorte, é linda, cheia de encanto e repleta de pessoas ao seu redor que a amam de verdade! Que ela seja sempre muito feliz e que em seu caminho o amor esteja sempre presente!

     

    E assim termina esse lindo conto de fadas de uma linda princesinha, ela feliz pelos seus 5 aninhos e todos ao seu redor mais felizes ainda por ter alguém tão especial assim ao lado deles. E naquele Reino o dia foi de muita festa, alegria e GRATIDÃO a Deus por tudo, principalmente pelos 5 anos da princesa Beatriz!

     

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br 

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.




    Avatar









    26
    JAN

    Quando tudo isso acabar!A turminha estava super triste e cheia de saudade das aulas presenciais, já não aguentavam mais aquelas aulas on-line. A professora, observando o que se passava, tentou animá-los.- Queridos alunos, sei que não é nada fácil ficar 24 horas por dia e sete dias por semana dentro de casa, sem poder ver os amigos, sem poder ir à es ...

    Quando tudo isso acabar!

     

    A turminha estava super triste e cheia de saudade das aulas presenciais, já não aguentavam mais aquelas aulas on-line. A professora, observando o que se passava, tentou animá-los.

     

    - Queridos alunos, sei que não é nada fácil ficar 24 horas por dia e sete dias por semana dentro de casa, sem poder ver os amigos, sem poder ir à escola, sem poder brincar ao ar livre. Não é fácil para mim que sou adulta, imagina para vocês que são crianças...

     

    - Ah! professora, não é fácil mesmo! – Falou Maria.

     

    - E tem dias que são mais difíceis, como hoje. – Falou Augusto.

     

    - Sei muito bem disso meus queridos alunos, por isso, nesses dias em que a tristeza e a saudade falam mais alto, podemos usar nossa imaginação...

     

    - Imaginação? – Questionou Rute.

     

    - Isso, podemos imaginar o que iremos fazer assim que tudo isso acabar, vamos pensar só coisas boas, e esses sentimentos ruins não ganharão espaço em nossa cabecinha. Vamos imaginar!

     

    - Amei a ideia professora. – Falou Maria.

     

    - Então vamos começar... – Continuou a professora. Miguel, nos diga qual a primeira coisa que você vai fazer quando tudo isso acabar?

     

    - Eu irei jogar futebol com meus amigos no campo da escola, que saudade!

     

    - Que maravilha Miguel! – Falou a professora. E você Marina. Qual a primeira coisa que fará quando tudo isso acabar?

     

    - Com certeza darei um abraço bem forte em todos vocês. Cansei de vê-los apenas pela telinha do computador, ajuda a matar a saudade, mas um abraço apertado é muito melhor.

     

    - Com certeza Marina. Gosto de ver vocês todo dia, mesmo que pela telinha do computador, mas ao vivo e a cores é bem melhor. – Falou Maria.

     

    - E como é! – Falou a professora. – E você Maria, qual a primeira coisa que vai fazer quando tudo isso acabar?

     

    - Confesso professora que não vejo a hora de dar muitos abraços e beijinhos nos meus queridos avós. A saudade deles é tão grande que meu coração fica apertadinho quando penso neles. Quero muito poder vê-los, poder abraçá-los, e dar um beijão em cada um.

     

    - Que lindo Maria, tenho certeza de que seus avós sentem o mesmo e querem muito receber todo esse carinho. – Falou a professora.

     

    - Eu vou querer ir ao parque e brincar muito lá com minha irmãzinha. Ela ama o parque do nosso bairro, chora muito querendo ir, e por isso, quando tudo isso acabar, vou logo atender o desejo dela. – Falou Rita.

     

    - Muito bem Rita, sua irmãzinha tem muita sorte em ter uma irmã tão solidária como você. Parabéns! – Falou a professora.

     

    - Professora, quando tudo isso acabar, vou correr pela rua, gritando e pulando de alegria, respirar profundamente o ar puro e abraçar todos que encontrar pela minha frente. – Falou Augusto.

     

    A turma toda riu!

     

    - Isso mesmo Augusto, acho que farei isso também. – Falou a professora. Então crianças, como estão se sentindo agora?

     

    - Bem melhor! – Todos falaram.

     

    - Que maravilha! Sempre que se sentirem um pouco tristes, usem a imaginação, imaginem algo bom, algo que os façam felizes, e assim, a tristeza ganhará asas e voará. Logo tudo isso vai passar, logo estaremos de volta em nossa escola, iremos abraçar e brincar com nossos amigos, dar muitos beijinhos em nossos avós, brincar ao ar livre com nossa família, mas enquanto esse dia não chega, vamos continuar imaginando que os dias felizes logo chegarão.

     

    - Obrigada professora, estou me sentindo bem melhor agora. – Falou Maria.

     

    - Nós também! – Falaram os demais.

     

    - Vamos juntos agora dar um super abraço virtual, e ter fé que tudo isso logo vai passar e esse abraço virtual em breve será ao vivo!

     

    - Muito em breve! – Todos falaram.

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.




    Avatar
















    INSTITUCIONAL

    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.