• 04
    FEV

          A turma estava animada, fim de férias, início das aulas. Estavam com saudades da professora, dos amigos e curiosos para conhecer os novos amigos, pois todo início de ano tem algum colega novo na sala de aula.   - Vamos brincar de adivinha. - Falou Paulinha. Eu acho que este ano na nossa sala de aula serão quatro meninos novatos e duas meninas. ...

     
     
     
    A turma estava animada, fim de férias, início das aulas. Estavam com saudades da professora, dos amigos e curiosos para conhecer os novos amigos, pois todo início de ano tem algum colega novo na sala de aula.
     
    - Vamos brincar de adivinha. - Falou Paulinha. Eu acho que este ano na nossa sala de aula serão quatro meninos novatos e duas meninas.
     
    - Eu acho que serão três meninos e nenhuma menina, meninas são muito chatinhas. - Falou Beto.
     
    - Pôxa Beto, que chato você heim? Meninas não são chatinhas! - Reclamou Paulinha.
     
    - Tá bom, desculpe! Mas mesmo assim, acho que serão três meninos novatos em nossa sala.
     
    - Eu acho que serão três meninas e dois meninos novatos. As meninas deixam a sala mais bonita. - Falou Rogério piscando para Paulinha.
     
    - Humm, vi a piscadinha viu Rogério! - Falou Beto.
     
    - Meninos sem gracinha, quem será que irá ganhar? Algum de nós ou nenhum? Nossa, estou tão ansiosa para chegar logo na escola, estava com muita saudades de todos.
     
    - Para ser sincero eu também, estou até com saudades das tarefas para casa. - Falou Beto.
     
    - Eu tenho saudades das brincadeiras na hora do recreio, onde todos se encontram para brincarem juntos, é bom demais! - Falou Rogério.
     
    - Vejam, já chegamos! - Falou Paulinha
     
    Os três amigos desceram do ônibus escolar e correram para a escola, reviram vários amigos e juntos foram para a sala de aula, pois o toque de entrada já tinha sido dado.
     
    A professora se apresentou a turma e falou:
     
    - Sei que muitos de vocês já estudaram aqui ano passado, mas quero apresentar os alunos novatos, levantem-se  José, Luís, Téo, Maurício, Bianca e Sofia, estes são os alunos novatos, vamos aplaudir nossos amigos e desejar-lhes boas vindas.
     
    Mas antes dos demais alunos fazerem o que a professora pediu, Paulinha gritou:
     
    - Eu ganhei! Eu ganhei!
     
    - O que houve Paulinha? - Perguntou a professora.
     
    - Desculpe-me professora, mas é que no transporte escolar eu, Beto e Rogério fizemos um jogo de adivinha tentando adivinhar quantos alunos novatos teríamos na sala e eu acertei!
     
    - Então parabéns para você! Agora vamos dar boas vindas aos novos amigos!
     
    E todos juntos falaram:
     
    -Sejam bem vindos e vamos fazer deste novo ano escolar um ano repleto de alegrias, aprendizagens, amizades e que ele seja inesquecível para todos... Feliz volta às aulas para todos nós!
     
    (Palmas)
     
     
     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.

     
     
     
     



    Avatar









    08
    FEV

      De volta às aulas   Joaquim acordou mais cedo do que o normal naquela manhã, o dia mal tinha nascido e ele já estava de olhos abertos na cama. Já que tinha acordado cedo e não estava mais com vontade de dormir, resolveu ir ao banheiro, tomar um bom banho e ir até a cozinha beliscar alguma coisa enquanto sua mãe não levantava ...

     

    De volta às aulas

     

    Joaquim acordou mais cedo do que o normal naquela manhã, o dia mal tinha nascido e ele já estava de olhos abertos na cama. Já que tinha acordado cedo e não estava mais com vontade de dormir, resolveu ir ao banheiro, tomar um bom banho e ir até a cozinha beliscar alguma coisa enquanto sua mãe não levantava.

     

    Percebeu que seu irmão mais velho também estava com insônia naquela manhã, pois já estava no chuveiro tomando banho. O que será que estava acontecendo com eles?

     

    A mãe acordou e Joaquim percebeu que ela estava um pouco agitada, como se estivesse atrasada, mas, atrasada com o quê? O que estava acontecendo com sua família naquela manhã?

     

    Estava tudo muito estranho...

     

    O pai quando chegou à cozinha, ficou feliz ao ver seus filhos já sentados à mesa tomando o café da manhã:

     

    - Que bom que já estão acordados, assim não iremos nos atrasar!

     

    Joaquim, pensativo, perguntou a si mesmo:

     

    - O que iremos fazer?  Agora é que ele havia ficado confuso mesmo!

     

    Sem entender o que se passava, resolveu ir ao quarto, deitar-se mais uma vez, quando estava perdido em seus pensamentos, sua mãe chegou e perguntou:

     

    - Já está pronto Joaquim? Seu pai está esperando!

     

    - Esperando? Para onde vamos?

     

    - Não me diga que esqueceu?!

     

    - Acho que sim, pois estou totalmente perdido sem entender nada dessa agitação toda!

     

    - Ai, ai... Meu querido Joaquim! Suas AULAS começam hoje!

     

    - O QUÊ? Esqueci a Volta às Aulas!

     

    - Acho que você ficou muito mal acostumado com as férias. Arrume-se rápido, pois a rotina, os estudos e as obrigações recomeçam hoje! Corra que seu pai já está no carro a sua espera.

     

    Enfim, Joaquim entendeu o motivo de toda aquela agitação e ficou feliz, pois já estava com saudade da correria de toda manhã antes de ir à escola, já estava com saudades do colégio, dos amigos e até dos deveres!

     

    Trocou de roupa o mais rápido possível, pegou a mochila e correu em direção ao carro:

     

    - Querida escola, aqui vou eu!

     
     
     

    MINEIA PACHECO
    www.mineiapacheco.com.br

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.


     



    Avatar









    30
    JUL

        O primeiro dia de aula de Matheus!   Ele estava ansioso, esperava por esse momento há muito tempo. Iria começar sua rotina escolar, conhecer novas pessoas, fazer novos amigos, aprender muito e brincar bastante. Já estava com seus 4 aninhos, estava se sentindo um pouco atrasado e sempre perguntava a sua mãe quando começaria a estudar. Mas ...

     
     

    O primeiro dia de aula de Matheus!

     

    Ele estava ansioso, esperava por esse momento há muito tempo. Iria começar sua rotina escolar, conhecer novas pessoas, fazer novos amigos, aprender muito e brincar bastante. Já estava com seus 4 aninhos, estava se sentindo um pouco atrasado e sempre perguntava a sua mãe quando começaria a estudar. Mas ela sempre dava alguma desculpa:

     

    - Espere o tempo certo!

     

    Enfim, o tempo havia chegado, faltavam poucos minutos para ir à escola pela primeira vez.

     

    A cada minuto que passava seu pequeno coração acelerava cada vez mais; não estava nervoso, estava feliz, muito feliz! Como seria sua classe? Como seriam seus amigos e professores? E enquanto estava perdido em seus pensamentos, sua mãe lhe perguntou:

     

    - Filho, você realmente quer ir à escola hoje? Se você não estiver preparado poderemos tentar no início do ano que vem.

     

    Matheus deu um pulo e rapidamente falou:

     

    - Estou preparadíssimo e espero por esse momento há muito tempo, ir à escola é o que sempre quis! 

     

    Então sua mãe falou:

     

    - Mas filho, estava pensando que seria melhor deixarmos para o próximo ano!

     

    Matheus não acreditava no que ouvia, já estava todo arrumado, fardado, materiais escolares comprados e por que deixar para o próximo ano?

     

    - Não faça isso comigo mamãe, quero muito ir à escola, quero muito mesmo!

     

     E com um tom triste a mãe fala:

     

    - Tudo bem filho, esse dia tinha que chegar mesmo, não é?

     

    Enfim, foram à escola, ao chegar lá Matheus estava radiante de felicidade, foi a sua sala de aula, conheceu alguns colegas, conversou com a professora e a mãe ficou de longe o observando, era notável a alegria do seu filho em seu primeiro dia de aula, ela sabia que ele ficaria bem, então foi ao seu encontro, despediu-se e saiu. Seu coração ficou apertado, pequenino dentro do peito, seu pequeno garotinho estava crescendo e isso ela não poderia evitar. Tentou o quanto pôde adiar esse dia, mas sabia que iria acontecer, não imaginava o quanto ficaria perdida sem ter a companhia do seu pequeno Matheus todas as tardes.

     

    -Não será fácil. – Falou ela.

     

    Na verdade, quem precisaria se adaptar a nova rotina era ela, pois o Matheus já estava mais do que adaptado na escola, entre os amigos e professores. Com o tempo ela se acostumaria, pois mãe fica feliz em ver o filho feliz... E felicidade era o nome de Matheus naquele dia!

     

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.

     




    Avatar





    • Olá,

      Me envie seu e-mail que te mando alguns continhos!

      Agradeço o contato e visita ao blog!!

      Att, A autora.

      RESPOSTA





    • Oi Mineia adoro seu blog é muito interessante sou professora e gostaria muito de obter algumas historinhas suas principalmente essa do primeiro dia de aula de já agradeço.
      Suely Cunha.
      bjs.

      RESPOSTA





    • OIMinéia, normalmente são as mães que precisam se adaptar mais do que os filhos, né?
      Muito legal a historinha do primeiro dia de aula do Matheus.
      beijos
      Chris
      http://inventandocomamamae.blogspot.com/

      RESPOSTA





    • Oi Minéia!
      Uma bela estória que mostra que nem sempre a insegurança é das crianças.
      Realmente muitas vezes os pais é que ficam inseguros com os filhos.
      Muito bom!
      Um feliz dia dos pais para ti e um ótimo fim de semana.
      abração com carinho

      RESPOSTA





    • Oi moça linda! Saudades de ti...

      Pois é, vejo isso todo inicio de ano, as mamães sofrem mais que os pequenos, digo sempre que elas precisam de mais atenção dos professores, que devem acalmá-las e conversar sobre os projetos pedagógigos que serão trabalhados, sobre as brincadeiras, enfim sobre todo o período que a criança ficará longe dela... Eu costumo fotografar as crianças em vários momentos do dia e mostro para as mães. Elas se derretem e vão ficando mais seguras.
      Lindo ver seu pequeno tão feliz indo para a escola. E ir com 4 anos eestá ótimo, antes disso só se você rrealmente não pudesse ficar com ele.

      Beijosssss e feliz de te ver de volta e estar de volta também.

      Su.

      RESPOSTA





    • Olá, também adorei meu primeiro dia de aula!!!
      Adorei a historia!!!
      Bjs do Neno

      RESPOSTA





    • Minéia, Pedro adorou a primeira semana de aula mas, depois chorou muito. Eu ficava com o coração doendo! Agora ele adora á escola!!
      Beijinho
      Pedro e Amara

      RESPOSTA





    • Mineia,como é bom quando eles chegam á escola assim,felizes e preparados!Tem razão; já vi muita mãe chorar no primeiro dia e a criança toda feliz!...rss...bjs,

      RESPOSTA





    • O primeiro dia de aula é inesquecível e emocionante, fica pra sempre!!beijos, de volta!chica

      RESPOSTA





    • Realmente a adaptação é mais difícil para a mãe. Meu filhovai iniciar a escola ano que vem, vive me pedindo para ir para a escola, está muito ansioso, até fala q eu vou levar e lá ele vai ficar sozinho com a prof. e os amigos. Pra mim será um momento de muita tensão, um medo enorme toma conta do meu coração mesmo sabendo com certeza que isso será maravilhso para ele. Sua história foi pra mim, me li nela. Obrigada.

      RESPOSTA












  • 01
    FEV

        As aulas de Reginaldo estavam pertinho de começar, sua mãe já havia comprado todo seu material e ele não entendia o porquê de voltar a estudar. Achava tão bom estar de férias, poder brincar o dia inteirinho, dormir tarde, passear com os pais. Por que tinha que voltar a estudar?   - Mamãe não quero voltar a estudar, es ...

     
     
    As aulas de Reginaldo estavam pertinho de começar, sua mãe já havia comprado todo seu material e ele não entendia o porquê de voltar a estudar. Achava tão bom estar de férias, poder brincar o dia inteirinho, dormir tarde, passear com os pais. Por que tinha que voltar a estudar?
     
    - Mamãe não quero voltar a estudar, estou gostando muito das férias.
     
    - Filho, as férias são ótimas mesmo, mas é preciso voltar a estudar.
     
    - Mas, por quê?
     
    - Você não sente saudade dos seus amigos?
     
    - Sinto sim...
     
    - Você não sente saudades das suas professoras, da diretora da escola?
     
    - Ah, sinto sim, elas são bem legais.
     
    - Você não sente vontade de rever todo mundo?
     
    - Tenho sim...
     
    - E na escola, você também aprende muita coisa legal, faz suas tarefas, desenha, inventa, cria, brinca. Tem um período inteirinho de atividades, de divertimento, as férias são ótimas, mas voltar à s aulas é bem mais legal.
     
    - Será?
     
    - Lembra quando as férias estavam chegando e você questionou porque existiam as férias?
     
    - Acho que sim.
     
    - Você não estava gostando nadinha de ficar de férias, gostava da escola, dos amigos e falava que iria sentir muita saudade de todos eles.
     
    - Verdade mamãe, agora lembro!
     
    - Pois é filhinho, as férias estão acabando e você enfim poderá rever todos eles.
     
    - Me divertir tanto nessas férias que já havia esquecido o quanto é maravilhoso estar na escola, poder aprender algo novo, fazer uma nova amizade, brincar e me divertir.
     
    - Então desejo a você Feliz Volta à s Aulas!
     
    - Obrigado mamãe, é muito bom poder voltar à escola!
     
     
     
    Autora Minéia Pacheco
     



    Avatar





    • E verdade as férias são ótimas, mas voltar as aulas é melhor...+++

      RESPOSTA





    • Minéia querida, estava com saudades de ti, que bom que voltou e trouxe essa historinha tão fofa... Na verdade, estou assim como o Reginaldo, não quero voltar para a escola, não mesmo... mas por outro motivo... estou sem vontade de rever as pessoas, de falar, de me mover... perdi o bebê amiga, e estou muito triste, sei que vai passar, mas a vontade e ficar aqui em casa embaixo da coberta na minha cama, bem quietinha. Desculpa trazer essa notícia aqui, mas queria te contar.
      Beijo no coração.
      Su.

      RESPOSTA





    • Mineia,saudade de vc tb!Estava de ferias?Linda sua historinha e estimula a criançada a ir á escola de novo!...rsss...bjs e meu carinho!

      RESPOSTA





    • Oi Minéia!
      Adorei a estorinha e é bem assim que acontece mesmo,independente da idade.
      Mesmo os mais velhos também ficam com preguiça de voltar,rs.
      Obrigada pela sua visita e comentários e bom retorno.
      Uma ótima quinta-feira para ti.
      abração com carinho

      RESPOSTA





    • gostei da historinha, eu volto amnha pra aula. beijinho

      RESPOSTA





    • Que bom te ver de volta!Linda história desse recomeço...Ainda estamos em férias na praia, mas quase no fim e neno inicia aulas só dia 22.


      Beijos, tudo de bom,chica

      RESPOSTA





    • Boa noite Minéia.
      Que bela história, parabéns pela autoria.
      Serve até para ser contada na sala de aula.
      Posso usar?
      Obrigada pela visita. Fico feliz por ter gostado dos cartões.
      Bjokas...da Bia!!!

      RESPOSTA









    01
    AGO

      Beto acordou naquele dia 1º de agosto feliz e eufórico. Enfim havia chegado o reinício das aulas e ele não cabia em si diante de tanta felicidade.  - Irei rever todos meus amigos e minha querida professora! (ele falava).   Sua mãe vendo tanta alegria perguntou:   - Beto meu filho, você não gostou das suas férias? Juntos, fi ...


     
    Beto acordou naquele dia 1º de agosto feliz e eufórico. Enfim havia chegado o reinício das aulas e ele não cabia em si diante de tanta felicidade.  - Irei rever todos meus amigos e minha querida professora! (ele falava).
     
    Sua mãe vendo tanta alegria perguntou:
     
    - Beto meu filho, você não gostou das suas férias? Juntos, fizemos tantas coisas!
     
    - Claro que gostei mamãe, aliás, amei passar as férias com a senhora e juntos vivermos tantas coisas legais. Mas também amo minha escola, meus colegas e minha professora e estou muito feliz em voltar hoje e ter tanta coisa legal para contar a eles.
     
    - E o que você irá contar filho?
     
    - Mamãe, irei contar para eles todas as coisas que fizemos, da nossa viagem, dos filmes que assistimos, das brincadeiras novas que inventamos.
     
    - Ah, assim fico mais aliviada e feliz!
     
    - Porque mamãe?
     
    -Porque pensei que você estava todo eufórico porque estava achando suas férias muito chatas.
     
    - Claro que não achei minhas férias chatas, foi a melhor que já tive. Mas é sempre bom rever os amigos e estudar muito!
     
    - Filho, você me enche de orgulho! Feliz volta à s aulas querido!
     
    - Obrigado mamãe!
     

    Autora Minéia Pacheco
     



    Avatar
















    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.