• 31
    JUL

    A INCRÍVEL FÉRIAS DO CÃOZINHO BILU!


     
    Autor da ilustração AQUI! (http://www.waldomironeto.blogspot.com.br/)

     

    A Incrível Férias do Cãozinho Bilu!

     

    Cansado de ficar sempre no mesmo lugar, o cãozinho resolveu, de uma hora para a outra, tirar umas férias.

     

    - Estou cansado de fazer as mesmas coisas todos os dias, cheguei à conclusão que preciso de férias urgentemente.

     

    Pegou o primeiro avião e partiu para um lindo lugar chamado Paraíso Azul. O lugar era lindo, belas praias, céu azul, água de coco bem geladinha... Realmente merecia o nome que lhe foi dado.

     

    Bilu correu pela praia, tomou um delicioso e inesquecível banho, deitou na areia, apreciou o céu azul, bebeu muita água de coco e observou os outros animais que estavam de férias por lá também.

     

    Viu uma girafa de biquíni, um elefante tomando sol, uma zebra e um hipopótamo jogando bola na areia próximos ao mar. Bilu estava fascinado, que férias incríveis ele estava vivendo!

     

    Próximo a ele havia um suricato, Bilú o chamou para brincar de ping pong, os dois se divertiram até cansar. O dia já estava indo, mas a noite prometia, logo mais haveria um lindo lual com o leão no violão e a coruja cantando as canções.

     

    Os dias passaram e suas férias já estavam terminando, Bilu não queria sair de lá nunca mais, porém, aos poucos os outros animais começaram a retornar as suas casas. Como não queria ficar lá sozinho, resolveu voltar também. Ficou feliz ao chegar em casa, pois percebeu que não existe lugar melhor do que nosso lar, mas de uma coisa ele tinha certeza, nas próximas férias voltaria ao Paraíso Azul e dançaria novamente numa noite de lual com a linda cadela Marry.

     

    Férias assim, todos sonham em ir!

     

     

    MINÉIA PACHECO

    www.mineiapacheco.com.br

    Nossa missão é transmitir valores através de contos infantis.

     







    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.