• 30
    DEZ

    RUY E A MÁQUINA DOS DESEJOS!


    - Ruy, o que tanto você faz trancado nesse quarto? – Perguntou sua irmã Ruth.

    - Não possa falar ainda, é segredo!

    - Mamãe já está preocupada com você!

    - No momento certo todos vocês saberão o que tanto faço dentro do quarto.

    Os dias passaram e Ruy continuava trancado em seu quarto...

    - Meu filho, o que está havendo? Por que você não sai mais desse quarto?

    - Estou construindo algo que irá mudar nossas vidas para sempre!

    - Mas, quando terminará?

    - Breve, muito breve!

    No mesmo dia, logo mais a noite, enquanto todos estavam reunidos jantando, Ruy chegou com uma enorme máquina e disse:

    - Essa é minha grande invenção!

    Todos se entreolharam e Ruth perguntou:

    - E que invenção é essa?

    - Essa é uma máquina dos desejos! Tudo que vocês desejarem ela pode realizar...

    - Nossa filho, que incrível! – Falou o pai.

    - Então já vou fazer um pedido para mim, amei sua invenção filho. – Falou a mãe.

    - Antes que vocês comecem a fazer seus pedidos, tenho algo para falar sobre ela. A máquina dos desejos não é igual as demais, ela tem uma coisinha muito especial...

    - E o que é? – Perguntou Ruth.

    - Ela não realiza desejos individuais, desejos egoístas. Ela foi programada para realizar apenas os desejos daqueles que querem o bem para o mundo.

    - Filho, que incrível! – Falou a mãe.

    - Por isso passei tanto tempo para sair do quarto, queria algo especial e consegui!Na virada do ano irei colocá-la no centro da nossa cidade, com essas informações e as pessoas poderão fazer desejos pensando no próximo e assim o novo ano será bem mais feliz e solidário!

    - Nossa Ruy, que ideia maravilhosa, você está fazendo algo muito especial pelo mundo. – Falou a irmã.

    - Estou apenas fazendo minha parte...

    - Mas se cada um pensasse assim como você, o mundo seria bem melhor. – Falou a mãe.

    - Essa será minha contribuição para um novo ano mais feliz!

    - Estamos esperando o quê? Vamos agora mesmo levar essa máquina dos desejos ao centro da cidade e fazer muitas pessoas começar o ano pensando no próximo e fazendo uns aos outros muito felizes!

    - É o que desejo papai...



    Autora Minéia Pacheco
     






    Copiar essas ideias sem a permissão do autor é crime, pois isso configura uma forma de roubo e roubar ideias é plágio, e plágio é crime. Art. 184 – Código Penal

    © Copyright 2017 - Minéia pacheco. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido, ou usado, exceto com a permissão prévia por escritor.